Blog TKS

intercâmbio para a terceira idade

Por Fred Zerey 10 de Julho de 2018 Intercâmbio


Quando se fala intercâmbio, é muito comum que a maioria das pessoas logo pense nos adolescentes ou nos jovens que estão buscando seu lugar no mercado de trabalho. Porém, a experiência de viver fora vai muito além do ganho profissional.


Se autoconhecer, fazer novas amizades, conhecer lugares incríveis, mergulhar em culturas diferentes, abrir a cabeça, sair da zona de conforto e se divertir são algumas das experiências pessoais que o intercâmbio proporciona. Pessoas de qualquer idade só têm a ganhar passando um tempo no exterior e, por isso, o intercâmbio para a melhor idade está se tornando cada vez mais popular.


Hoje, já existem intercâmbios específicos para pessoas acima dos 50 anos, pensados especialmente para quem quer viver uma experiência cultural muito enriquecedora. Veja nossas dicas que vão lhe ajudar a planejar o seu intercâmbio depois dos 50:

Atenção na escolha do programa de intercâmbio

Na hora de escolher o seu programa de intercâmbio, é importante saber que existem diversas opções diferentes para escolher o que mais combine com você. Existem programas específicos para pessoas maiores de 50 anos que, além de cursos de idiomas, também oferecem outras atividades culturais na cidade escolhida.


A vantagem desse programa é que você está rodeado de pessoas da sua faixa etária e com interesses parecidos com os seus, além de já ter tudo planejado — o que torna a viagem mais prática e é perfeito para quem está indo sozinho ou vai para o exterior pela primeira vez e ainda não sabe muito bem como se virar.


Porém, nada impede que uma pessoa da terceira idade escolha um intercâmbio tradicional e vá estudar com os mais jovens. Se você estiver indo fazer um intercâmbio com a família ou se realmente quiser viver uma experiência muito diferente e sair totalmente da sua zona de conforto, tendo mais contato com os jovens e fazendo amizades de todas as idades, basta matricular-se em um curso para maiores de 18 anos.


Nesse caso, você também pode realizar muitas atividades e passeios super divertidos, que geralmente são organizados pelas escolas durante o tempo que tiver lá. É uma excelente maneira de voltar para o Brasil com o conhecimento ainda maior, afinal, a troca de experiências com pessoas de diferentes faixas etárias será ainda mais interessante.

Pense bem antes de escolher a acomodação

Escolher a acomodação com atenção também é fundamental e isso pode fazer toda a diferença em sua experiência. Escolha entre casa de família, residência estudantil ou apartamento, sabendo que cada opção tem características muito diferentes.


Você quer realmente imergir na cultura local, quer ter a oportunidade de conhecer muitas pessoas ou prefere ter a sua privacidade e fazer as coisas do seu jeito? Prefere ficar em um local mais tranquilo ou mais agitado? Tudo isso deve ser levado em consideração antes de escolher onde se acomodar durante todo o seu intercâmbio.

Abra sua mente

O mais importante para qualquer pessoa que vai fazer um intercâmbio, independentemente de sua idade, é sair do Brasil com a mente aberta! Quanto mais disposto você estiver a conhecer pessoas diferentes, mais jovens ou mais velhas, de diferentes nacionalidades, culturas e conhecimentos, mais você vai aprender e aproveitar essa experiência no exterior.


Se interessou? Entre em contato com a TKS Intercâmbio e vamos encontrar juntos o intercâmbio perfeito para você!